O grande despertar dos povos nativos começou

Home/Não categorizado/O grande despertar dos povos nativos começou

O grande despertar dos povos nativos começou

This post is also available in: English Español

IV Cúpula Internacional do Conhecimento Ancestral,
povos e nacionalidades originais em movimento.

de Paulo Tejeda

Com a participação de mais de 20 povos indígenas da Colômbia, Peru e Equador, delegações do México e da Argentina, agricultores e representantes dos povos afro e rom -cigana, a IV Cúpula Internacional de Conhecimento Ancestral foi realizada em Bogotá, Colômbia, entre nos dias 18 e 20 do mês atual.

A Sede da Casa Indígena dos 14 Povos Indígenas de Bogotá e a Maloka do Jardim Botânico da cidade foram os espaços em que as comunidades participantes se reuniram para deliberar, expor suas visões e seus problemas e encontrar pontos de acordo e ação comum.

Além disso, para levantar uma voz de alerta em relação à emergência que atravessa a nossa Mãe Terra.

 

Painéis acadêmicos, mesas de trabalho, discussões e importantes instâncias de deliberação deram forma a este encontro, cujas edições anteriores aconteceram nas cidades de Potosí (Colômbia, 2015), Quito (Equador, 2016) e Lima (Peru, 2017).

Nesta quarta edição, destaca-se a formação do Conselho Abya Yala de homens e mulheres Conhecedores, que tem estado em pleno poder de ação e terá como responsabilidade a orientação, a preservação e o cuidado espiritual da Cúpula Internacional a partir de agora.

“O objetivo desta Cúpula foi criar o Conselho de Sábios, e nós criamos esse Conselho, foi instalado e eles levantaram hoje o seu primeiro ritual”, expressou com satisfação o Mama Maria de Jesus Erira Cuastumal, Governador do Cabildo de Pastagens e um dos organizadores da reunião.

 

Outro aspecto de relevância tem sido a decisão coletiva e unânime que, para a sua V Edição, a Cúpula se move para o norte e ocorre no país irmão do México.

Os painéis acadêmicos e as mesas de trabalho contribuíram com a nuance deliberativa do encontro. Cinco temas – Medicina Tradicional e Soberania Alimentar, Ordenamento do Território e Ambiente, Educação própria, própria comunicação intercultural e direitos humanos e direitos indígenas – deu lugar à reflexão coletiva, enquanto propostas contribuíram para trabalhar em cada área de maneira conjunta.

Como se isso não fosse bastasse, o dia de encerramento da Quarta Cúpula de férias vestido, com a performance ao vivo de grupos de música e dança, e realizando instrumentos uma feira de artesanato e musicais.

“O grande despertar dos povos nativos começou. Este grande despertar devemos isso aos nossos antepassados, que retornaram no coração das novas gerações e fizeram este grande “, ele conclui com emoção Governador Mama Maria de Jesus Cuastumal.

Três dias de reuniões e cerimônia, um Minga de pensamento pelo qual os povos da Abya Yala continuar a ser reforçada e levantou a sua voz e nossa Mãe Terra.

http://laminga.radioteca.net/article/declaracion-de-la-iv-cumbre-internacional-de-saber/

By | 2018-10-26T17:28:36+00:00 outubro 26th, 2018|Categories: Não categorizado|0 Comments

About the Author:

Leave A Comment